Poder Goiás

Goiânia, 17/10/21
Matérias
Foto: Jackson Rodrigues

O documento também libera o funcionamento de boates com ocupação máxima de 50% da capacidade do ambiente e limite de até 500 pessoas por vez

Rogério Cruz flexibiliza ainda mais medidas sanitárias em eventos, turismo e lazer em Goiânia

25/09/2021 · Por Eduardo Horacio

O novo decreto de ‘enfrentamento’ à Covid-19, publicado pela Prefeitura de Goiânia nesta sexta-feira, 24, flexibiliza a realização de eventos sociais e corporativos e o funcionamento de boates, na capital. O presidente da Agência Municipal de Turismo, Lazer e Eventos (Agetul), Valdery Junior, comemorou a decisão do prefeito Rogério Cruz.

Entre as mudanças estabelecidas pelo decreto nº 4.018 está a liberação de eventos sociais e coorporativos com até duas mil pessoas em locais abertos. Os eventos em locais fechados terão capacidade limitada a mil pessoas, respeitando a ocupação máxima de 50%.  

Para Valdery Junior, trata-se de uma notícia muito positiva para o setor de eventos, que sofreu com a pandemia. "Esse é um grande passo para este setor que tanto aguardou a retomada. Sem dúvidas, é o momento de voltar com segurança para que não tenhamos novas restrições e sim afrouxamento até a normalidade", ressaltou.

O documento também libera o funcionamento de boates com ocupação máxima de 50% da capacidade do ambiente e limite de até 500 pessoas por vez. A apresentação de música ao vivo em bares e restaurantes também está autorizada, desde que o espaço de apresentação permita o distanciamento de 2,25 m².

"Goiânia recebe visitantes de todo o país e este decreto veio para dar mais fôlego e fomentar o setor de eventos, turismo e lazer.  Goiânia é conhecida por suas boates e grandes festas. Somos uma das cidades que é destaque nacional da música. A volta dessas atividades nos colocará nesse cenário novamente", considerou Valdery Junior.

Já o setor hoteleiro terá limite de 80% da capacidade de acomodação; e o serviço de café da manhã no restaurante deverá ser limitado à capacidade máxima de acomodação do estabelecimento, obedecida a distância mínima de 1,5 metros entre as pessoas. Os parques Mutirama e o Zoológico passam a receber visitantes com a capacidade de até 50%, no decreto anterior o limite era de 30%.  

"A boa notícia é que estamos retomando as atividades que foram as primeiras afetadas pela pandemia, mas é preciso cautela e respeitar as medidas de segurança, como uso de máscara, álcool em gel e distanciamento social", destacou o presidente da Agetul.


Covid-19 Prefeitura de Goiânia Decreto Rogério Cruz