Poder Goiás

Goiânia, 25/02/24
Matérias
Divulgação

Promoção foi anunciada no Estado, com validade apenas no dia que coincide com número do presidente na urna. MP pede à PF que investigue possível propaganda irregular

Sem citar Bolsonaro, concessionária de Goiânia anuncia caminhonetes a R$ 222.222,22

22/10/2022, às 16:37 · Por Redação

Uma concessionária da Ford em Goiás anunciou para este sábado, 22, sem citar o nome do candidato à reeleição Jair Bolsonaro (PL), o lançamento da "Promoção 22". Somente no dia 22 de outubro de 2022, até às "2h22 da tarde" (14h22), 22 caminhonetes do modelo Ranger estarão disponíveis por R$ 222.222,22. O anúncio da campanha foi veiculado no jornal O Popular.

Casos como esse têm sido recorrentes. O Ministério Público Eleitoral de Goiás solicitou, nesta quarta-feira, a Polícia Federal que investigue a loja Empório Sete por vender 10 marcas diferentes de vinho por R$ 22, mesmo número do candidato a reeleição Jair Bolsonaro (PL). No pedido, o promotor Haroldo Caetano chamou atenção ainda para o fato da promoção anunciada ir apenas até o dia 29 deste mês, véspera do segundo turno. O preço das bebidas foi classificado como "incomum e baixo".

No dia do primeiro turno das eleições, outro caso. O "Frigorífero Goiás" anunciou a promoção "Picanha Mito", onde a carne custava R$ 22. Entre as condições da promoção, os clientes tinham que estar vestindo uma "camiseta do Brasil". O juiz Wilton Müller Salomão, do Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), ordenou que a promoção fosse suspensa, assim como postagens feitas na conta oficial do estabelecimento.

Investigação

No caso das camionetas, Ministério Público de Goiás (MP-GO) também pediu para Polícia Federal investigar possível propaganda eleitoral irregular em relação ao anúncio da concessionária de Goiânia. Em nota, o MP informou que formalizou “notícia de irregularidade em propaganda eleitoral” e enviará cópia dos autos à PF.

“Em relação à publicidade em questão, a Promotoria Eleitoral com atuação perante a 134ª Zona Eleitoral formalizou uma notícia de irregularidade em propaganda eleitoral (NIPE), de nº 0600095-43.2022.6.09.0133, e encaminhará cópia dos autos para que a Polícia Federal possa investigar eventual crime”, informou. 


Política MP Investigação PF Goiás