Poder Goiás
Goiânia, 07/04/20
Matérias
Foto: CBN Goiânia

Atendentes que trabalham na Superintendência confirmaram à CBN que a procura aumentou após decretos da gestão Jair Bolsonaro (PSL) que flexibilizou o acesso âs armas

Procura por armas em Goiás dispara e Polícia Federal não consegue atender demanda

25/05/2019 · Por Diene Batista

A sede da Polícia Federal em Goiás, no setor Pedro Ludovico, está abarrotada de pessoas que buscam a liberação do porte e posse de armas. Segundo a Rádio CBN, os goianos estão reclamando do  atendimento limitado na Polícia Federal em Goiânia. Apenas 30 senhas são distribuídas por dia na PF e elas se esgotam por volta de 7h30.

Atendentes que trabalham na Superintendência confirmaram à CBN que a procura aumentou após decretos da gestão Jair Bolsonaro (PSL) que flexibilizou o acesso âs armas. 

O decreto das armas está em vigor desde o início de maio. Ainda não há um cronograma para regulamentação, mas, desde que foi anunciado, o decreto dividiu opiniões.

O Ministério Público Federal, em Brasília, pediu a suspensão do decreto. Atualmente, existem três ações contra o decreto na Justiça Federal e três no Supremo Tribunal Federal (STF).


Jair Bolsonaro Polícia Federal Porte de Armas