P U B L I C I D A D E
Poder Goiás
Goiânia, 02/04/20
Matérias
Divulgação / Twitter

Além de Major Vitor Hugo, líder do governo, Delegado Waldir também tem alguma rejeição de colegas de partido e aliados

Deputado deixa vice-liderança do governo e critica Delegado Waldir e Major Vitor Hugo

25/04/2019 · Por Diene Batista

Os deputados federais Waldir Soares e major Vitor Hugo, líder do governo na Câmara Federal, entraram na mira do Capitão Augusto (PR-SP), que pediu para deixar a vice-liderança da articulação política na casa na terça-feira, 23. 

Oriundo da bancada da bala, ele chamou Waldir de "caricato" e disse que Victor Hugo, apesar de "trabalhador, honesto e humilde", não foi aceito pela Câmara. O parlamentar está em seu primeiro mandato, após fazer carreira no serviço público como consultor jurídico e praticamente perseguir o presidente Jair Bolsonaro (PSL) para chegar ao cargo.

O posicionamento de Capitão Augusto a respeito do relacionamento do Palácio do Planalto com o Congresso Nacional e do perfil dos colegas de bancada não estaria sendo levado em conta, daí seu descontentamento e seu pedido de desligamento.

"Coloca como líder do partido do Bolsonaro o Delegado Waldir, que é caricato. É meu amigo, mas é briguento, não dialoga, ninguém o leva a sério, não é bom de discurso. O Major Vitor Hugo é trabalhador, humilde, honesto, mas a Câmara não aceitou, não deu certo, e não devia ter pego do próprio partido", afirmou ao jornal O Globo.

Nos bastidores, como informou o site O Antagonista, deputados do partido de Bolsonaro estão atuando para destituir os dois representantes de Goiás dos seus postos. 

O deputado General Girão (PSL-RN) está colhendo assinaturas para a realização de novas eleições para a liderança do PSL. Já os aliados de delegado Waldir estariam passando uma lista para pedir a saída de Vitor Hugo.

Em suma: uma trapalhada só.


Major Vitor Hugo Jair Bolsonaro PSL Delegado Waldir