Poder Goiás

Goiânia, 03/03/21
Matérias
Divulgação

A principal preocupação é com o desgaste com a opinião pública, ainda mais em meio a uma pandemia

Vereadores devem desistir de incluir aumento de salários na pauta da Câmara

14/12/2020 · Por Pedro Lopes

Grande parte da bancada atual e próxima legislatura resistem ao projeto de lei de Milton Mercês (Patriota) que prevê aumento dos salários dos vereadores, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais. A principal preocupação é com o desgaste com a opinião pública, ainda mais em  meio a uma pandemia. 

Segundo a coluna Giro de Popular desta segunda-feira, 14, o presidente da Câmara de Goiânia, Romário Policarpo (Patriota), tem dito a aliados que não vai levar ao plenário o projeto adiante.  “A chance de ele pautar é zero. Ele tem dito que não é o momento de discutir isso”, diz um aliado.

Como a definição da pauta é uma prerrogativa do presidente, a única alternativa para a proposta ser votada nas últimas sessões da Casa seria através um pedido de inversão de pauta, que depende de apresentação de requerimento com assinatura de 12 vereadores. 


Câmara de Goiânia Romário Policarpo,
P U B L I C I D A D E