Poder Goiás
Goiânia, 23/10/20
Matérias
Jackson Rodrigues (Prefeitura)

Plano Diretor enviado à Câmara de Vereadores prevê uma série de benefícios ao Centro da capital

Gestão Iris está requalificando o centro de Goiânia, informa secretária de Finanças

17/10/2020 · Por Pedro Lopes

A secretária de Finanças Zilma Peixoto, que também é coordenadora do Plano Diretor, reafirmou que a gestão Iris Rezende (MDB) já está requalificando todo o traçado original histórico de Goiânia, que inclui Campinas também, por meio do programa ReViva Goiânia e do Projeto de Lei 23 (Plano Diretor) que prevê uma série de benefícios ao Centro da capital. 

A secretária disse que embora vários projetos tenham sido desenvolvidos na região, como a requalificação da Praça do Cruzeiro e da Praça do Trabalhador, que será entregue em dezembro, a pandemia do coronavírus atrapalhou a regulamentação da Lei dos Engenhos Publicitários aprovada na atual gestão. “Este projeto daria uma revigorada nas lojas do centro, nas fachadas, trazendo o art déco de volta ao centro e criar um espaço mais restaurado e atraente às visitação, turismo”, disse. 

Segundo Zilma, os comerciantes iriam ter gastos para revitalizar a fachada e resgatar o estilo arquitetônico e ganhariam a isenção de dois IPTUs, “mas a iniciativa, infelizmente, não prosperou por conta da pandemia”. 

A titular da Finanças ressaltou ainda que os prazos serão negociados novamente com a Câmara de Vereadores para garantir o benefício aos comerciantes. A secretária também pontuou que o Plano Diretor não é só imposto de outorga.

 “Tem várias outras coisas, entre elas os arranjos produtivos, que é possível fazer na parte de gastronomia, com incentivo para os estacionamentos, fazer prédios garagens sem outorgas e com altura maior. Todas essas mudanças da gestão Iris são exatamente para termos outra dinâmica para o centro”, garantiu.


Prefeitura de Goiânia Iris Rezende Zilma Peixoto Eleições 2020