Poder Goiás
Goiânia, 30/03/20
Matérias
Hegon Côrrea

Equipamentos já chegaram e previsão de entrada em funcionamento no mês de fevereiro

Primeira policlínica de Caiado será inaugurada em Posse no próximo mês

14/01/2020 · Por Pedro Lopes

Com a intenção de iniciar o cumprimento das propostas de seu Plano de Governo, Ronaldo Caiado (DEM) visitou as obras da Policlínica de Posse no último sábado, 11. A unidade deverá ser entregue à população no próximo mês. Durante a visita, o governador fez um convite ao presidente da República, Jair Bolsonaro, para que visite o Estado pela sétima vez.

"O presidente esteve em Goiás no ano passado seis vezes e eu quero ver se ele inicia o ano de 2020 aqui na cidade de Posse”, disse Caiado em vídeo publicado em suas redes sociais. “Presidente, você não está só convidado como está convocado para inaugurar a primeira Policlínica da região mais carente de Goiás", acrescentou. 

A inauguração da unidade visa regionalizar o atendimento médico em Goiás. O local oferecerá cerca de 10 mil consultas e 25 mil exames de diagnóstico por mês, atendendo, no mínimo, 31 municípios do Nordeste goiano. “Essa estrutura será a mais moderna que vou construir no Estado. Ela tem ressonância magnética, que não tem em nenhum dos hospitais da região, vai ter toda a aparelhagem cardiológica, de radiologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, pediatria e ortopedia”, destacou o governador. 

Além disso, Caiado planeja disponibilizar ônibus e vans para buscar os pacientes em casa e levar até a Policlínica, com hora marcada. Toda estrutura física está pronta e a construtora finaliza em breve a sala anexa ao prédio principal que irá abrigar todos os equipamentos de ressonância magnética. 

A visita a Posse foi acompanhada de várias lideranças políticas, que também contribuíram com o repasse de recursos para a unidade. “Só nessa última remessa foram R$ 39 milhões de recursos da bancada federal para a compra de equipamentos. Temos ajudado e atuado junto aos ministérios, fortalecendo as demandas do governador”, destacou a deputada federal e líder da bancada goiana no Congresso, Flávia Morais (PDT). 


Governo de Goiás Ronaldo Caiado Policlínica Posse Jair Bolsonaro