Poder Goiás
Goiânia, 17/09/19
Matérias
Marcelo Camargo/Agência Brasil

Somado a outros fatores, a taxa do câmbio e o aumento do preço impulsionaram o resultado

Produção de grãos deve bater recorde em série histórica

11/09/2019 · Por Pedro Lopes

Estimativas da Companhia Nacional do Desenvolvimento (Conab) apontam que a Produção de grãos deve bater novo recorde na safra 2018/2019.  O brasil deverá colher 242,1 milhões de toneladas de grãos neste período, ultrapassando os 227,7 milhões da safra anterior (2017/18). Os grandes responsáveis pelo índice são as culturas de algodão e milho. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (10) pelo órgão.

Apenas o algodão teve um aumento de 35,9% na produção, com volume estimado de 4,1 milhões de toneladas do caroço e 2,7 milhões do algodão em pluma. Somado a outros fatores, a taxa do câmbio e o aumento do preço impulsionaram o resultado. 

Já a expectativa para o milho é de que ele atinja a safra de 100 milhões de toneladas. A segunda safra prevê um aumento de 36,9%, além de produção recorde de 73,8 milhões de toneladas. Mas houve queda na primeira, com 26,2 milhões. O milho também tem perspectiva de exportação record para a série-histórica, a estimativa é de 35 milhões de toneladas exportadas.

O feijão cresceu apenas nas segunda e terceira safras, com aumento de 6,3% e 21,2% cada safra. O arroz e a soja, porém, tiveram quedas de safra no comparativo com 2017/2018.


Grãos Agricultura Economia Agronegócio PIB