Poder Goiás
Goiânia, 17/09/19
Matérias
Divulgação

Iris afirma que o conjunto das intervenções de recapeamento terá impacto positivo para o conjunto da população ao favorecer a mobilidade urbana

Prefeitura de Goiânia começa a recapear em setembro mais de 630 km de ruas na capital

02/08/2019 · Por Pedro Lopes

A Prefeitura de Goiânia, publicou no Diário Oficial dessa quarta-feira, 31, aviso de licitação para executar as obras de restauração e reconstrução das ruas da Capital. A abertura da licitação será no dia 2 de setembro, às 9h, pela Secretaria Municipal de Administração (Semad). Serão recuperados 630 km de ruas – 628 ruas e avenidas, que correspondem a 7.412.758,73 m² –, em todas as regiões da cidade. 

O prefeito Iris Rezende (MDB) destaca que a empreitada vai no sentido de substituir a pavimentação asfáltica antiga, que já não responde mais às operações de tapa-buracos. “Temos que dar respostas rápidas para as urgências do município”, afirma. Sobre o crédito para realização da obra, ele afirma que “a Caixa é detentora da conta da Prefeitura de Goiânia e, portanto, sabe o que o município tem e o que pode financeiramente”. Além disso, o empréstimo foi aprovado pelo Tesouro Nacional. 

O emedebista diz, ainda, que o conjunto das intervenções de recapeamento terá impacto positivo para a população ao favorecer a mobilidade urbana, diminuir o número de acidentes e garantir mais conforto para moradores que usam ônibus e veículos particulares.

Com orçamento de R$ 400 milhões, incluindo a supervisão e sinalização das vias, oriundos do tesouro municipal, a obra é dividida em quatro lotes, que compreendem todas as regiões de Goiânia. O serviço deverá ser executado de acordo com as normas, especificações e métodos da ABNT (aprovados, recomendados ou projetados) e, ainda, com uso de materiais de qualidade, modelo, marca e tipo aprovados pela Prefeitura.


Prefeitura de Goiânia Asfalto Iris Rezende Pavimentação Asfáltica